Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

13 de janeiro de 2018

[Indicação de HQ] Wytches – Vol.1 – Scott Snyder.

HQ: Wytches.
Série: Wytches Vol.1.
Criador: Scott Snyder.
Jock, Matt Hollingsworth e Clem Robins.
ISBN-13: 9788594540379.
ISBN-10: 859454037X.
Ano: 2017. 
Páginas: 192.
Idioma: Português. 
Editora: DarkSide Books.
Categoria: Ficção, HQ, comics, mangá, suspense e mistério, terror.
Encontre no Skoob.
Compre: aqui.

Sinopse: Bruxas são criaturas muito mais perversas e diabólicas do que você poderia pensar — e, portanto, muito mais assustadoras. Ver uma é coisa rara; sobreviver a elas é mais raro ainda. É por isso que quando a família Rook se muda para Litchfield, uma remota cidadezinha de New Hampshire, tentando escapar de uma experiência horrível ao recomeçar do zero, eles não entendem que algo sinistro vive nas florestas ao redor da cidade. Algo que os observa, esperando apenas por uma oportunidade. Algo muito antigo... e voraz. Você até pode conseguir feitiços e milagres delas, mas, para isso, vai precisar pagar o preço. Pai e filha vão descobrir que recomeçar pode ser bem mais difícil quando há uma conspiração secular que envolve a sua família em curso.

Com reviravoltas chocantes e uma arte de arregalar os olhos, capaz de combinar medo e beleza, WYTCHES é uma obra sobre bruxas que deve ser levada a sério. Scott Snyder já provou suas habilidades como roteirista durante seu tempo escrevendo as HQs do Batman, uma das fases do herói mais aclamadas pela crítica e pelo público nos últimos tempos.


Olá! Nana G. aqui para trazer mais uma resenha Darkside e hoje vamos a caça às bruxas. Não, não... as Bruvas, num terror horripilante em forma de quadrinho. Não vou nem me estender demais, vamos direto à resenha!


Wytches começa num prólogo chocante e provocativo. Uma mulher presa dentro de uma arvore pedindo ajuda ao seu filho, que não parece tão inocente assim. Essa HQ mostra em suas primeiras páginas ao que veio, e logo nos primeiros momentos já fazem o leitor correr para saber o que está acontecendo.

A história gira em torno da família Rook, quando eles se mudam para Litchfield, uma pequena cidade cercada por uma floresta bastante assustadora e que esconde mais do que a escuridão da noite.

“Algo que os observa, esperando apenas por uma oportunidade. Algo muito antigo... e voraz. Você até pode conseguir feitiços e milagres delas, mas, para isso, vai precisar pagar o preço. Pai e filha vão descobrir que recomeçar pode ser bem mais difícil quando há uma conspiração secular que envolve a sua família em curso.” – Darkside.

Sem muitos spoilers porque Wytches é uma HQ com muitas reviravoltas e detalhes que fazem o leitor perder o ar. A história é muito bem escrita, e enquanto leitor  tem-se a clara sensação de desespero e apego ao sentimento paterno. Toda a parte sobrenatural, o que são as bruvas e o que elas fazem é explicado na medida certa. O leitor pode se sentir inserido em uma verdadeira história de terror no melhor estilo irmãos grimm, com uma pitada de realidade que pode assustar os leitores mais inexperientes.

A parte gráfica é muito bem desenhada e ilustrada, as páginas são todas coloridas, e a mistura de muitas cores coloridas com uma pitada de sobriedade, e cores mais frias. A ilustração vai mudando de acordo com o momento da história, em cenas mais dramáticas, a inserção de manchas e gotas dão a sensação de urgência e loucura, enquanto em momentos mais naturais e de dia a dia, o leitor pode sentir a calma do momento em tons amarelados.

As letras tem um ótimo tamanho para leitura e não se torna cansativo, portanto, mesmo sendo um quadrinho mais longo (cerca de 190 páginas), é possível ler tudo em uma sentada, e pessoalmente, acho muito pouco provável quem não o faça porque a história te faz prender a respiração.

Como um bônus, no final do livro tem uma entrevista com o criador, Scott Snyder, sobre de onde surgiu a ideia e como foi todo o trabalho de produção. Também é mostrado como é feito o trabalho de arte, desde do nanquim às cores.

Sobre o trabalho da Darkside, eu não tenho reclamações, tudo muito bonito e bem feito, a capa é lindíssima, dá vontade de emoldurar num pôster.

É isso, convido os corajosos para conhecerem essa HQ incrível, assustadora e que volta ao ponto de partida, onde as bruxas são criaturas soturnas e que podem realizar seus desejos, se, claro, você jurar alguém...

Quem você juraria?

Beijocas e até a próxima!

Classificação:


15 comentários :

  1. Eu ainda consigo ficar babando nas capas da DarkSide! Ow danada de Editora que pode passear em todos os gêneros e manter as capas sempre tão lindas e instigantes!
    Ainda não conhecia esta Hq e mesmo não sendo tão fã do gênero, fiquei aqui namorando a capa e a sinopse dela.
    Amo histórias de bruxas e ainda se vieram nessa forma de malvadas como eram lá no começo da nossa era, melhor ainda!
    Vai para a listinha de desejados com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi Nana!

    Tudo bem? Eu AMO HQ's! São histórias que me entretêm e me divertem com bastante facilidade, porém eu vou ter que passar a recomendação. Não gosto de me assustar com leituras e parei de me obrigar a ler gêneros que não gosto de verdade.

    É ótimo que a parte gráfica da HQ seja tão boa (queria uma foto na resenha para matar a curiosidade...) e a entrevista no final realmente é um bônus a se levar em conta para quem gosta do gênero.

    Beijinhos
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  3. Não sabia que se tratava de um HQ e olha que quase comprei esse livro em uma promoção do Submarino. Como tenho um certo tombo pelas histórias dos irmãos Grimm, tenho certeza de que essa leitura seria muito bom. Então agora mais do que nunca, eu quero o livro.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?

    Num primeiro momento, não sabia que Wytches se tratava de uma HQ e quase comprei sem saber deste pequeno detalhe.

    Não sou muito fã do gênero, mas acredito que a Darkside tenha feito um brilhante trabalho (assim como reza a lenda hehehehe)

    A sobriedade adotada nesta obra me chama muito a atenção e fiquei de certo modo curiosa como pode ter um enredo de tirar o fôlego traduzido em uma HQ.

    Já despertou minha vontade novamente de realizar a leitura e um certo frio na barriga!

    Adorei conferir suas impressões hehehe

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Oi Ana, como está?
    Já li algumas resenhas dessa obra e a tua foi mais uma excelente que me instigou a querer ler essa HQ, ainda mais quando a Darkside dificilmente faz coisas ruins. Já li pelo menos duas edições feitas por eles e olha, é de uma qualidade sem comparação.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Nana, tudo bem?

    A única coisa que consigo gostar na Dark são as capas. Tenho que tirar o chapéu, pois uma é melhor que a outra. Por motivos de: não leio nada do gênero terror, eu passo longe dessa HQ.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá, gostei muito da sua resenha, estava mesmo bem curiosa para saber mais sobre essa HQ da Dakrside, pelo seu post parece ser super sombria, tudo o que procuramos numa obra de terror.

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Não são todos os livros com sobrenatural, terror, suspense que me chamam atenção. Mas esse parece ser uma história boa de se acompanhar. Fiquei intrigada por ser um HQ e pelo visto o trabalho está incrível como todos os projetos da Darkside.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  9. Ooi,
    Eu não tenho a mínima afinidade com HQ's nem com terror, então vou ter que deixar a dica passar. Mas com certeza vou indicar para os meus amigos que gostam do formato! Parabéns pela resenha.

    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  10. Oi!

    Eu estou LOUCA por essa HQ, sério. eu amo quadrinhos de terror, porque normalmente os traços são super pesados e eu ainda não vi essa edição por dentro aacredita? Eu amei sua resenha e só fiquei mais empolgada para ler, ainda mais com esse começo da mulher entrando na árvore, hahaha!

    beijos!

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Não conhecia essa HQ (não sou de ler HQs) no começo da resenha e termino precisando desse livro para ontem, que resenha mais instigante. Estou querendo entrar nesse mundo e como AMO as edições da Darkside acho que vou me aventurar nessa história.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oie, tudo bem? Para tudo! Eu acabei de falar que tava MUITO afim de ler uma hq de terror e vc me vem com essa? Mas é CLARO que eu quero e vou ler! Primeiro que amo as edições da dark, segundo que adoro historias sobre bruxas e terceiro que sempre amei quadrinhos ❤ ja to in love, partiu saraiva! Bjosssss

    www.porredelivros.com

    ResponderExcluir
  13. Oi,
    esse livro tem me chamado muito a atenção, já faz um tempinho que tenho sentido falta de seres sobrenaturais "raízes", recentemente tornou-se comum a romantização das bruxas, dos vampiros e dos lobisomens e eu até gosto mas no fundo sinto bastante falta desses seres mais sombrios, sabe? E o fato de tratar-se de uma HQ me deixa ainda mais ansiosa pela leitura.

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bom?
    Eu amo o trabalho que a DarkSide faz em todos os seus livro, mas infelizmente ainda não tive a oportunidade de por as mãos em nenhuma das HQ's que ela lançou até agora. Eu estou bastante curiosa com essa HQ e com a HQ de Junji Ito.

    Beijos.
    www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá ♥
    Confesso não ser muito fãs de HQ, os únicos que eu amava era da Turma da Mônica, mas para ser bem sincera premissa desse me encantou e me deixou curiosa para conhecer um pouco mais. Como que essa mãe foi parar dentro de uma arvore, gosto de teor de mistério. Confesso que a capa não me chamou tanta atenção, mas o que vale é o enredo, né?
    Parabéns pela resenha, beijos!

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^