Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

18 de abril de 2017

Resenha: Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar – Sarah Maclean.

Título: Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar.
Trilogia: Os Números do Amor. Livro: 01.
Autora: Sarah MacLean.
ISBN-13: 9788580415049.
ISBN-10: 8580415047.
Ano: 2016. Páginas: 384.
Idioma: Português.
Editora: Arqueiro.
Gênero: Romance de época, Romance, Ficção.
Categoria: Literatura estrangeira.
Adicionar ao Skoob
Compre: aqui.

Sinopse:
A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente. 

Olá, galera! Hoje vamos fazer a resenha do primeiro volume de uma trilogia, que já me apaixonou desde o primeiro livro. E que promete muita emoção, muitas risadas e alguns escândalos ao longo do caminho. Preparados? Eu, sim! Vamos lá.

Lady Calpúrnia Hartwell já não tem mais nenhuma esperança em se casar e ter a chance de ter sua própria família, sua casa, uma vida só dela. Então, com 28 anos e com sua irmã mais nova noiva, ela enxerga sua vida como uma eterna solteirona. Vendo todos ao seu redor felizes e com seus "verdadeiros amores".

Porém, um dia, cansada de nunca fazer nada, de sempre ser posta de lado, ela faz uma pequena e atrevida lista de coisas, que uma dama como ela não deveria fazer, mas que ela sonha em fazer e não vê a hora de começar a executar:

Beijar alguém... apaixonadamente. Fumar charuto e beber uísque. Montar com as pernas abertas. Esgrimir. Assistir a um duelo. Disparar uma pistola. Jogar (em um clube para cavalheiros). Dançar todas as músicas de um baile.

Sua primeira tarefa, que ela se impelia a cumprir, é beijar alguém apaixonadamente. Mas, Callie não deseja beijar qualquer um, ela quer beijar nada menos do que Gabriel St. John – o Marques de Ralston –, um dos mais notórios libertinos de toda a Londres e o homem por quem sempre teve uma paixão platônica. No meio da noite, levemente bêbada, ela vai até a casa de Ralston e lhe pede um beijo. Qualquer outro ficaria chocado, mas Gabriel sente uma intensa curiosidade por aquela mulher e vê nela a solução para os seus problemas.

Eles fazem um acordo. Ele lhe daria o que ela tanto deseja, um beijo, e ela se encarregaria de tornar sua irmã, recém descoberta – uma bastarda para todos os efeitos – em uma dama tão respeitável quanto Callie. Imediatamente a solteirona aceita o acordo, e finalmente é beijada pelo homem que esteve em seus pensamentos pelos últimos dez anos. Entretanto, o beijo é uma surpresa para ambos, uma chama se ascende e um jogo delicioso de sedução começa.

Gabriel acaba tomando conhecimento da lista, e faz Callie prometer não cumprir nenhum item sem a sua presença, uma vez que qualquer um dos itens pode não só arruinar sua reputação, como acabar com as chances de sua irmã em ser apresentada a sociedade de forma digna. Porém, existe muito mais embaixo de tudo isso, um desejo crescente entre os dois que fica cada vez mais difícil de controlar a medida que os encontros entre eles ficam mais frequentes.

"Eu? Não era para eu estar aqui?" – a voz dele falhou. "Da última vez que verifiquei, este era o meu clube esportivo! Um dos clubes esportivos para homens! Onde homens esgrimem! Da última vez em que verifiquei, a senhorita era uma mulher! E mulheres não esgrimem!"

Uma estranha e maravilhosa conexão começa a se formar entre os dois, mas conflitos se colocam no caminho do casal. Ele ser um libertino, ela uma solteirona sem graça, de acordo com suas próprias ideias, é claro. Também um outro homem, cheio de dívidas, que acredita que se casar com Callie é sua salvação. Esses conflitos serão suficientes para separar esse casal improvável? Um coração tão ferido quanto o do Marques pode ser curado pelo verdadeiro amor? Uma dama pode executar tal lista sem acabar com sua reputação? Qual será o desfecho? Tudo é possível, um final triste ou feliz... descubra lendo!

A narrativa é deliciosa, os trechos são engraçados, maliciosos e recheados de surpresas. Sarah MacLean soube nos contar uma história maravilhosa, sexy sem deixar de ser romântica, e sem esquecer a força de uma personagem feminina que cresce ao longo da trama e nos surpreende a cada instante.

A capa é linda, a diagramação impecável e de leitura agradável. A história é tudo e um pouco mais. Li o livro em um único dia de tão fluida e arrebatadora. Divertido, espontâneo e com milhares de trechos memoráveis Nove regras a Ignorar antes de se apaixonar se tornou um dos meus queridinhos, e certamente um dos livros favoritos na minha estante. Se você adora um romance de época N.R.I.A.A é obrigatório na sua lista de leituras!

Beijinhos e até Mais!
Avaliação:
Veja as demais resenhas da série clicando nos títulos abaixo.

Um comentário :

  1. eu curti conhecer o livro, a historia me interessou e eu ja adicionei ele na minha listinha, ainda mais c uma resenha positiva dessa :)
    so fiquei me perguntando como assim fzr a irma bastarda, o q isso teria a ver (carinha pensante)

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^