Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

11 de junho de 2015

Resenha: Black Para Sempre



Título: Black Para Sempre.
Autora: Sandi Lynn.
Série: Trilogia Forever #01.
Editora: Valentina.
Páginas: 256.
Ano: 2015.
Idioma: Português.   
ISBN-13: 9788565859608.
ISBN-10: 8565859606.




Sinopse:
O primeiro livro gira em torno de Ellery, que sempre imaginou que seu futuro estaria ao lado de seu namorado perfeito e seus felizes para sempre estava garantido. Entretanto, quando ele faz suas malas e pede espaço, ela vê seu mundo ruir e decide focar somente em suas pinturas e desistir de relacionamentos, até que em uma noite ajuda um homem completamente bêbado a chegar a sua casa em segurança. Um homem que logo estará disposto a brigar por um futuro ao lado de Ellery e apoiá-la quando seu mundo estilhaçar novamente. 


Confesso que estava muito curiosa com o lançamento desse livro e o mais rápido que pude corri para lê-lo. A minha opinião sobre ele é um pouco divergente, mas, de forma geral, adorei a leitura e vou contar para vocês o motivo.

Logo que comecei a ler, um sinal gigante de aviso apareceu na minha mente mostrando-me Christian Grey, é sério, gente, as semelhanças são um "pouco" gritantes, ressaltando sempre que em partes, afinal, temos nesse livro um CEO jovem, rico e bonito (leia-se gostoso) que nos apresenta: traumas de infância, uma necessidade absurda de controle, não quer se relacionar com mulheres, com uma ex completamente louca em sua vida; etc. Entretanto, a Ellery, ao contrário da Anastásia, é uma moça forte e decidida que pasmem, ela ganhou o meu respeito mesmo tendo muito 'mimimi'.

Bom, vamos falar do livro...

Ellery, a nossa mocinha, passou por muitos problemas em sua vida, estes que serviram para que ela amadurecesse muito rápido e se tornasse completamente independente. Por conta disso, ela conseguiu reagir até que bem ao término de um namoro de quatro anos.

Pela forma como eu via as coisas eu tinha duas escolhas: eu poderia me sentar no meu minúsculo apartamento e deixar a minha vida morrer, ou eu poderia absorver o que aconteceu e sair para o mundo e viver. Optei por sair e viver. Eu não estava pronta para morrer ainda, eu ainda tinha muitas coisas que queria fazer.

A fim de ajudar sua melhor amiga a seguir com a vida e se distrair, Peyton, a típica melhor amiga gata de parar o trânsito, leva Ellery a um bar da cidade onde ela conhece ninguém mais, ninguém menos do que o belo, lindo, gostoso, charmoso e tudo de bom Connor Black suspirando. Só que o nosso bonitinho, não estava nas melhores condições de lucidez e foi convidado a se retirar do clube em questão.

Ellery, como uma boa moça que é, ficou preocupada pela forma como aquele homem incrivelmente lindo, porém desconhecido, chegaria em casa e resolveu ajudá-lo. O levou para para casa dele e cuidou do mesmo a noite inteira, para na manhã seguinte ele ser um completo idiota com ela homens. Mas, o que ele não esperava era que a Elle não abaixou a cabeça e o encarou de frente jogando um monte de verdades na cara dele antes de ir embora.

Mas sabe como é, né? Esses homens são doidos por aquelas mocinhas que os enfrentam e, o Senhor Black não poderia ser diferente, então com o intuito de reparar as primeiras impressões uma amizade entre eles começou a surgir, vindo em seguida o desejo e por fim, por que não... o amor?

- Eu estou sempre com fome de você, mas vamos acabar tendo que comer comida de verdade. Eu odeio te decepcionar baby, mas não podemos sobreviver apenas com sexo.

Ah... sim, porque não é só Connor que tem problemas com relacionamentos, Ellery também tem um segredo e isso me deixou muito tocada. O sofrimento dela para fugir do sentimento, a forma como ele não desistiu dela e todo o desenrolar da situação que não, eu não posso contar senão eu estragaria a surpresa, certo?

- Porque em algum momento você tem que perceber que algumas pessoas podem ficar em seu coração, mas não em sua vida e esta é a minha maneira de mantê-lo em meu coração.

Eu sei que no início comparei a história com Cinquenta Tons de Cinza, mas quero deixar bem claro que essa comparação se refreia apenas nas características e na história pregressa das personagens, pois de resto, o que temos em Black para sempre,  é um belo romance água com açúcar que conta com um toque de cenas hots, mas sem o erotismo exagerado de Cinquenta Tons. As cenas são leves e sedutoras, assim como temos uma história de superação, de aceitação e emoção.

Eu recomendo esse livro. Por ser um livro gostoso de ler, em que a leitura flui rapidamente, sabe? Os capítulos são curtos e vão te envolvendo porque você quer descobrir o que vai acontecer, qual o segredo e como tudo vai se resolver.

Esse é o primeiro volume de uma trilogia e estou muito curiosa com a sequência da história.


- Eu te amo não só pelo que você é, mas pela pessoa que me tornei por sua causa. Este é o meu para sempre para você.

Então, o que acharam? Querem ler o livro? Me contem tudo... 

Sei que estive muito tempo afastada daqui e de tudo, mas tive uma série de problemas que estão se resolvendo aos poucos e por isso estou voltando. :D




7 comentários :

  1. Oiê! Não fiquei interessado no livro pois tenho muitos na minha lista, mas a história parece ser bacana. A editora valentina adora romances, rs. Adoro seu blog, bjs. :))

    http://blogcafecomdaniel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oiiie
    Sua resenha está ótima e parece ser um livro bem leve e tranquilo e despertou sim minha curiosidade, espero ler em breve e gostar bastante, gostei do enredo.

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não gosto desse estilo de leitura, mas sua resenha, confesso, me deixou com muita vontade de ler o livro! E eu gostei da capa!
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  4. Não gosto desse estilo de leitura, mas sua resenha, confesso, me deixou com muita vontade de ler o livro! E eu gostei da capa!
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  5. May eu amo essa série, adoro nossos protagonistas , ela realmente não tem a personalidade de Anastácia é uma batalhadora e nãos e deixa intimidar. Ele é lindo. Estou louca para reler e resenhar o livro. Só a capa que achei que parece romance de banca. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Oie, tudo bom?
    Eu tinha ficado bem curiosa com esse lançamento e sua resenha foi a primeira que li. Não me preocupo com a comparação com 50 tons porque entendi o que você quis dizer. Gosto desse tipo de romance, que parece ser meio previsível, mas que mesmo assim ainda me conquista.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá! Parece ser um livro muito interessante! fiquei com aquele gostinho de quero mais! =)
    Sua resenha está muito bem escrita e é cativante! Um abraço pra ti!

    http://www.pensamentosvalemouro.com.br/

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^