27 de fevereiro de 2018

[Dicas do autor] Diário de Escrita #03 – por Jéssica Nascimento.

em 27 de fevereiro de 2018

17 comentários


[Aprendendo que cada um tem seu tempo]

Oi meu povo lindo, como vão? Vamos falar hoje de algo que poucas vezes vejo serem ditas a novos escritores. Nossa vida pessoal influencia e muito na nossa escrita, planejamento e envolvimento em um projeto de escrita. Cada um de nós, seja por um motivo ou outro, temos nosso próprio tempo de fazer as coisas, e dependendo da situação podemos ser mais ou menos produtivos. Prontos para mais “bate papo”? Então vamos lá!


Uma das épocas em que mais produzi, em que literalmente mergulhei em meus projetos, e na leitura de livros de uma forma geral, foi a época mais difícil da minha vida. No ano passado, passei por uma das situações mais delicadas da minha vida, algo que jamais imaginei passar. Perdi um bebê, e ao invés de mergulhar nessa tristeza, decidi fazer o oposto e me dedicar ao máximo em meus projetos. Posso dizer que foram três meses de muito trabalho duro, que vi dar um resultado maravilhoso.


Por outro lado, nesse momento, novamente grávida – de sete meses para ser exata – um dos momentos mais felizes da minha vida, esperando minha pequena Helena chegar, não estou produzindo quase nada, fazer o que, é a vida, não é? Não consigo escrever o quanto gostaria e sempre que me sento para fazê-lo é como se fosse impossível fazer qualquer coisa, nada consistente sai.

“Mas Jéssica, como pode o momento mais feliz da sua vida ser o pior com relação a sua escrita?

Muito simples pequeno gafanhoto, porque nós temos nosso próprio tempo, para cada pequeno coisa em nossas vidas. Não estou dizendo que a maternidade ou a gravidez influencie todas da mesma forma, ou a paternidade – que seja –, isso é muito especifico de cada pessoa, e em cada situação da sua vida você vai agir de um modo diferente, mas certamente que cada aspecto da sua vida pode influenciar em relação a sua escrita positiva ou negativamente.

O que quero dizer, é: Não se cobre demais, somos seres humanos e nossas emoções influenciam nossa escrita, de um jeito ou de outro. O tempo que cada um leva para escrever, planejar e finalizar uma história é muito particular. Alguns levam meses ou dias, outros levam anos, alguns escritores finalizam um romance em horas. Isso não significa que aquele ou esse jeito é certo, só que cada um tem seu próprio tempo para fazer isso e é algo super natural.

Não entre na neura de criar uma história em meses só porque é assim que os grandes autores, ou alguns deles, o fazem. Você é único e vai criar de forma única, então não se preocupe demais com o tempo que leva para fazer isso, se preocupe em fazer o seu melhor, em criar com a qualidade que você tem para oferecer, criar sob pressão pode destruir sua criatividade.

Com isso, a dica de hoje, é: Aproveite cada momento da sua vida, e não se cobre demais, em relação a nada. Seja você, tanto na escrita quanto em outros ambitos, faça o seu melhor e deixe as coisas acontecerem; VIVA! Cada pessoa tem seu tempo criativo, aprenda a entender cada um e aceita-lo da melhor forma possível.

Gostaram dessa dica? Querem mais dicas como essa? Gostariam que eu falasse sobre algum assunto? Comentem!

Beijos e até a próxima!

17 comentários :

  1. Que beleza de texto!!! Sabe, eu me arrisco a escrever, apesar de quase sempre serem textos de amor ou de dor(minha parte favorita da vida),mas só escrevo quando sinto que preciso e mesmo com inúmeros rascunhos ruins, eu vivo os lendo, pois sei que ali está um pedacinho da minha alma.
    Você está vivendo um momento lindo e não é que falte inspiração. Eu acredito que esteja sobrando inspiração, mas você só a está usando de uma forma diferente. Curtindo sua menina e aguardando ansiosa a chegada dela.
    Viver os momentos assim, também é escrever no livro da vida(ou no seu caso, das vidas)
    Adorei as dicas e sim, seria bom pegar um texto como este de vez em sempre!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Amei seu texto, seu ponto de vista sobre o tempo de cada pessoa para escrever e suas dicas. Penso que a ansiedade em ver a sua filha, em tê-la nos braços, está fazendo com que suas inspirações fiquem "camufladas". Comigo, às vezes, penso que as ideias sumiram. Então, dou um tempo na escrita e me dedico à leitura.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Tenho vivido momentos de difícil criação para meu blog, tenho passado por problemas de saúde que tem me esgotado psicologicamente e assim como você, durante minha gravides não conseguia fazer nada. Estou tentando não me cobrar, mas tem hora que bate o desespero seguido de desanimo, então suas dicas vieram em boa hora. Obrigada.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei esse texto e desabafo.
    Concordo com tudo que disse. Cada um tem o seu tempo e não devemos exigir demais de nós mesmo. Fique bem <3

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Que dica maravilhosa. Apesar de ainda não possuir o dom e nem querer muito entrar na vida de escritor, sei que dicas assim são importantes. Algumas pessoas ficam se cobrando prazo ou estipulando tempo, mas a escrita é livre: surge e cria a hora que quiser haha Adorei <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Concordo com você, também consigo produzir mais em situações delicadas, acaba sendo uma valvula de escape, e a tristeza acaba sendo um motivo a mais, estranho isso, né? Adorei as dicas e realmente devemos respeitar o nosso tempo.

    ResponderExcluir
  7. OI Jéssica
    Gostei muito da sua reflexão!
    É preciso respeitar o tempo e tirar o melhor proveito deste momento.
    Parabéns pela gravidez e que Helena chegue muito bem por aqui!
    BJs

    ResponderExcluir
  8. Oi Jessica, tudo bem?
    Primeiramente parabéns pela Helena que em breve estará nos seus braços dando um novo significado para sua vida! Em segundo, sim, cada um tem seu tempo e não adianta ficar comparando sua produtividade com a do vizinho. Somos humanos, mas somos diferentes e cada um funciona de uma maneira! Adorei seu texto, parabéns e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  9. Eu também sou autora e nunca me coloco metas, sempre escrevo conforme a inspiração chega ou me quando acho que vou conseguir produzir. Eu gostei de ver sua postagem, às vezes os autores entram na onda de escrever X caracteres por dia, X páginas por mês, completar a história até o dia tal, acho que fazer esse tipo de pressão pode atrapalhar - salvo casos onde isso é preciso, como prazos para editora, edital de alguma antologia e afins. Ainda assim, acho que é melhor escrever no seu tempo e produzir algo de qualidade do que escrever qualquer coisa só para bater uma determinada meta.

    ResponderExcluir
  10. Ola,
    Gostei muito do texto, como você tenho meus momentos de criatividade, é bem como você disse em alguns momentos da vida parece que ela flui melhor, estou feliz em estar em um momento como esse agora. Vi e já li muito que isso também requer disciplina e que mesmo que a gente não esteja muito inspirado no dia sempre é bom escrever algo, estou tentando fazer isso também ultimamente. As vezes não é fácil sabe? Mas, com o tempo quem sabe melhora, agora algo que concordo completamente com você é sobre não se cobrar demais e entrar em stress, ai para mim pelo menos deixa de ter sentido.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Muito legal seu texto! E sim, para tudo na vida cada um tem seu próprio tempo. Isso de ficar se comparando e se estressando porque não é capaz de fazer as coisas com a rapidez do outro só destrói a capacidade de quem se compara por causa da frustração.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Todos temos que saber respeitar nosso tempo e nem sempre estamos com a tranquilidade necessária pra colocar projetos em andamento. O importante é mesmo fazendo com nosso tempo sermos felizes e estarmos bem com o que nos propomos a fazer.
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem?
    Eu achei o seu texto maravilhoso, ficou muito bom. Fico feliz por sua superação, por ter utilizado esses projetos como metas para dar a volta por cima da sua vida. O mais importante é tentar ser feliz!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. verdade, cada um tem seu tempo, não adianta dar murros em ponta de facas. o melhor pe respeitar o processo de escrita e viver a vida.

    ResponderExcluir
  15. Oi, Jéssica! Que post lindoo,com certeza há tempo para tudo. E mesmo que pareça que os nossos planos estão demorando para se realizar, devemos ter paciência que na hora certa a inspiração virá. Lindas palavras <3, bjss!

    ResponderExcluir
  16. Olá Jéssica,
    Eu não sou muito boa em escrever, apesar de já ter tentado em alguns momentos da minha vida. Fiquei muito triste com o que te aconteceu em relação ao seu bebe, mas feliz por você ter aproveitado os momentos que a vida te deu. Com certeza as coisas acontecem por um motivo e precisamos aproveitar esses momentos.
    Sucesso na sua vida ♥
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  17. Concordo plenamente e esta dica deve ser levada para qualquer âmbito de nossas vidas. Não sou muito boa em escrever, ser criativa, mas gosto muito de ler e resenhar. Às vezes não tenho a inspiração para uma boa resenha e resolvo respeitar meu tempo e esperar. Dá certo. E acho que todos deveriam pensar nisso sempre.

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^



TOPO