Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

3 de março de 2017

Resenha: Em Algum Lugar nas Estrelas - Clare Vanderpool.

Título: Em Algum Lugar nas Estrelas.
Autora: Clare Vanderpool.
ISBN-13: 9788566636833.
ISBN-10: 856663683X.
Capa dura: 288 páginas.
Edição: 1ª (10 de junho de 2016).
Idioma: Português. 
Editora: DarkSide Books.
Gênero: Literatura infanto-juvenil, fantasia.
Adicione ao Skoob.
Compre: aqui.

Sinopse:
Em Algum Lugar nas Estrelas, da autora norte-americana Clare Vanderpool, é um romance intenso sobre a difícil arte de crescer em um mundo que nem sempre parece satisfeito com a nossa presença. Pelo menos é desse jeito que as coisas têm acontecido para Jack Baker. A Segunda Guerra Mundial estava no fim, mas ele não tinha motivos para comemorar. Sua mãe morreu e seu pai... bem, seu pai nunca demonstrou se preocupar muito com o filho. Jack é então levado para um internato no Maine (o mesmo estado onde vivem Stephen King e boa parte de seus personagens). O colégio militar, o oceano que ele nunca tinha visto, a indiferença dos outros alunos: tudo aquilo faz Jack se sentir pequeno. Até ele conhecer o enigmático Early Auden. Early, um nome que poderia ser traduzido como precoce, é uma descrição muito adequada para um prodígio como ele, que decifra casas decimais do número Pi como se lesse uma odisseia. Mas, por trás de sua genialidade, há uma enorme dificuldade de se relacionar com o mundo e de lidar com seus sentimentos e com as pessoas ao seu redor. Quando chegam as festas de fim de ano, a escola fica vazia. Todos os alunos voltam para casa, para celebrar com suas famílias. Todos, menos Jack e Early. Os dois aproveitam a solidão involuntária e partem em uma jornada ao encontro do lendário Urso Apalache. Nessa grande aventura, vão encontrar piratas, seres fantásticos e até, quem sabe, uma maneira de trazer os mortos de volta – ainda que talvez do que Jack mais precise seja aprender a deixá-los em paz.


Olá! Nana aqui para mais uma resenha da Darkside!! Hoje vamos embarcar numa viagem com Clare Vanderpool e seu livro Em Algum Lugar nas Estrelas.

De todos os livros da Darkside que tenho para ler ainda, e sim, são muitos, vou até colocar uma foto depois no meu instagram  risos , esse era um daqueles que eu não estava tão empolgada em ler, e acabou que deixei as meninas aqui do blog escolherem minha próxima leitura, por fim a autora/blogueira Aricia pediu que eu lesse essa fantasia e... o que eu achei fica pro final da resenha! 

Não vamos estragar a brincadeira!

Sem demoras vamos falar sobre do que se trata esse livro: o narrador e personagem principal é John Baker, mais conhecido como Jack (ou Jackie para os mais chegados), ele perdeu a mãe a algum tempo e seu pai, John Baker Jr., um capitão da marinha, sem saber como agir com o filho o manda para a Escola para Meninos Morton Hill, no Maine.

A história é ambientada durante a Segunda Guerra Mundial. O protagonista (sim, que tem o mesmo nome do pai e do avô dele, a proposito), vivia no Kansas antes de ir para o litoral do país, no Maine, e como um garoto do Kansas ele não estava acostumado a muita água, falando algumas vezes sobre ter enjoado, inclusive durante a viagem.

Jack é um leitor da revista National Geographic e de gibis de super-heróis, algo em que ele parece não acreditar mais.

Nessa escola ele se depara com algumas situações, primeiro com um garoto que não assiste as aulas e só aparece quando quer, normalmente nas aulas de matemática, e a história do grande capitão da equipe de Morton Hill de remo e futebol, Fish-67. Não adianta eu entrar em muitos detalhes, mas uma peça muito importante para essa história acontecer foi o menino estranho das aulas de matemática.


Jack conhece Early Auden, como ele mesmo fala, um menino estranho, que tem muitas manias como escutar Mozart aos domingos, Louis Armstrong as segundas, Frank Sinatra as quartas e Glenn Miller as Sextas, e apenas nos dias de chuva Billie Holiday. A editora inclusive preparou um marcador com essa sequência para ninguém esquecer, e no site da DarkSide, você encontra a playlist das músicas para se escutar lendo. Muito Darklove por essa editora!

Early tem outras manias, como separar balas de gomas por cor ou quantidade dependendo do seu momento, se estiver com problemas sentimentais ou algo que ele não consegue resolver. E por último, ele é fissurado pelo número Pi. Mas não fissurado como alguém que gosta de algo, não! Early é um garoto muito especial, ele tem uma habilidade incrível. Ele consegue ler, ver, sentir, cheirar a história de Pi nos números que ele calcula.

Para quem não sabe o que é o número Pi, vou deixar o link aqui para os curiosos.

Logo os dois escutam que um professor está refutando a ideia de que Pi não é infinito, e isso mexe muito com Early, porque ele está vendo que os números estão acabando e resolve embarcar em uma aventura em busca de muitos coisas, entre elas, pensar melhor na historia de PI.

Como é o recesso escolar e Jack teria que ficar sozinho no colégio, ele decide ir junto com Early nessa empreitada e a partir daí começa realmente a história e a aventura.

Obviamente se trata de uma fantasia, e muito bonitinha. Os protagonistas são dois adolescentes muito jovens, e é impossível não se apegar a Early e todas as suas manias (sério, chega um momento que você quer apertar o Early e esse é mais um personagem que entrou para a minha lista de “porque não pensei nisso antes” – risos).

Ri muito com esse livro, com as conversas de Jack e Early, que é algo muito bem desenvolvido, tem uma cadencia, uma realidade na forma como garotos de treze anos conversam, é adorável. E chorei, o final é particularmente emocionante, foi muito bonito de se ver.

Eu nem tenho muito o que falar desse livro, ele é extremamente bem escrito, a história é uma graça, linda, cheia de informação, de detalhes. É obvia a dedicação da autora em fazer uma história tão bem trabalhada, e a Darkside faz jus a todo o empenho da autora, criando uma edição belíssima, com detalhe para as constelações em cada começo de capítulo.

É uma leitura rápida, além de Clare escrever muito bem, ela produz uma cadencia muito gostosa de se ler e com uma história que te prende, mesmo nos momentos mais “mornos”. E com um bônus, os capítulos são curtinhos e isso parece tornar tudo ainda mais rápido.

Particularmente, eu queria que esse livro fosse que nem o Pi, infinito, de tão gostosa que foi a leitura. 

Serve para qualquer idade, sério, eu indicaria ele até mesmo para um pré-adolescente, como para a minha mãe.

Esse livro é, em muitos níveis, excelente de se ler e apreciar, vale muito a pena conhecer a história de Jack, Early e Pi. Sim, a história do Pi, porque não poderia faltar os capítulos em que lemos a história de Pi pelos olhos de Early.

E por hoje, é isso! Se curtiram deixem seus comentários, me digam se já leram, se concordam comigo ou acham que eu que fiquei deslumbrada demais por ele – risos.

Beijinhos a todos e até a próxima!!!

Avaliação: 

(Propriedade darksidebooks.com.br)

15 comentários :

  1. Eu achei a edição desse livro linda. A história é bem interessante mas infelizmente não faz o meu gênero. Eu até tentei ler quando foi lancado mas nao fluiu para mim. Quem sabe um dia. Ótima resenha e parabéns.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Parece ser uma gracinha de história. Não o conhecia, irei pesquisar mais sobre ele. A capa é linda demais! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Essa é uma das edições mais lindas da Dark ♥ Não vejo a hora do meu exemplar chegar.
    Que resenha mais amorzinho, quero para ontem!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    A capa é linda e tudo, mas eu li e não achei tudo isso. É legalzinha e só, nada que fique babando ou tenha virado fã da autora. Mas que a edição está maravilhosa, ah se está!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Nana
    Pelo jeito o livro é bom, hein! Adorei sua resenha empolgada e acho que muitos compartilham de sua opinião. Um dia ainda pretendo ler. Adoro a capa desse livro, muito linda!


    Blog Livros, vamos devorá-los?

    ResponderExcluir
  6. Oi, Nana!
    A DarkSide sempre dá um show em seus lançamentos! Eu tenho esse livro e estou com ele para ler esse ano, estou ansiosíssima para começar. Ouvi muitas resenhas em blogs e youtube falando muito bem sobre essa história e acredito que eu vou amar! Sua resenha está linda! Parabéns!
    Abração!
    Drica.

    ResponderExcluir
  7. Só de saber que é infanto-juvenil já me da uma coisinha, mas não dá pra negar que os trabalhos da Darkside tem arrasado. Muita critica positiva tem rolado sobre essa obra tbm e parece ser realmente interessante, eu só não sei se leria no momento.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  8. Oi Nana! Então, estava com receio de comprar esse livro.Mas, sua resenha me convenceu a ler! Fiquei louca para saber como é o final, já que te emocionou bastante. Imagino que deve ser uma leitura deliciosa, beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá linda,

    Eu pedi esse livro como presente num amigo invisível, porque adoro livros com essa pegada pós-traumática na vida de adolescentes e crianças e essa edição da Caveirinha está um arraso só.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá ♥
    Li poucas resenhas referentes a esse livro, e nenhuma tinha me deixado curiosa para saber um pouco mais até ler a sua que me deixou bem curiosa. A capa está maravilhosa, aliás a editora sempre capricha em todos os seus livros. Espero em breve poder fazer a leitura desse livro. Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi, Nana.
    Gostei muito da sua resenha e já anotei a dica.
    Adoro esse tipo de história leve e de leitura rápida!!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  12. Menina eu to é louca para ler esse livro que vocÊ nem imagina, fiquei feliz d ter a oportunidade de ler a resenha em seu blog e com toda certeza será uma leitura do futuro para mim, gostei muito de saber a sua opinião e a edição parece estar um luxo, dica anotada!
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  13. Nana lindona somente seu comentária que gostaria de apertar o personagem já me ganhou, gosto da leveza de histórias com personagens que não sobrecarregam as emoções, o que dizer dessa capa linda. Já quero ler com certeza. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
  14. Oie tudo bem?!?! Esse livro veio na caixinha da TL de novembro ou outubro, e só por isso eu o tenho. Levei muito tempo para ler porque não tinha me empolgado muito com a sinopse. Mas que surpresa maravilhosa a leitura desse livro. Eu me apaixonei e fiquei encantada com a relação desses dois. Sua resenha está singela assim como a história.
    Bjs

    ResponderExcluir
  15. Pelo visto esse livro além de lindo é ótimo também na história hein!!? A DarkSide caprichou nessa edição. Eu o comprei a pouco tempo e graças a sua resenha já será minha proxima leitura. Amei saber de alguns detalhes, obg pela sugestão de leitura. Bjs!

    Marcinha
    Eu Pratico Livroterapia

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^