Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

26 de setembro de 2016

Resenha: Depois que Você Chegou.

Título: Depois Que Você Chegou.
Autora: Edna Rodrigues.
ISBN: 000.
Ano: 2014.
Páginas: 153.
Idioma: Português.
Editora: Angel.
Gênero: Literatura Brasileira / Romance.
Adicione ao Skoob
Compre: aqui.

Cortesia gentilmente cedida pela Editora.

Sinopse:
Maria Teresa (Maitê) chegou aos 35 anos de idade e já abrira seu próprio negócio com Rebeca, sua melhor amiga, desfrutando assim, de uma vida confortável ao lado do marido e do filho. Pelo menos era o que aparentava. De repente, ela se vê envolvida em um triângulo amoroso. De um lado Rodrigo, o marido. Um homem que não a enxergava como ela merecia, nem esforçar-se para agradá-la. Do outro, um policial, o Roberto. Jovem sensual e que, ao contrário do esposo de Maitê, fazia questão de despertar nela a mulher linda e desejável que sempre fora. Mas existe outro empecilho: Roberto está em um compromisso sério há alguns anos. Juntos eles tentam suprir o que os seus relacionamentos não lhes podem dar: satisfação plena. Esses novos sentimentos conduzem os amantes a encontros intensos e tórridos. Repletos de pura sedução. Maitê se culpa por tudo, mas, como sente-se abandonada pelo marido, decide se livrar dessa culpa e manter seus encontros furtivos com Roberto. Contudo, até quando eles conseguirão guardar esse segredo e conviver com a culpa que ele acarreta?
 

Maitê é uma mulher linda, decidida, dona de casa e mãe de um adolescente. É casada com Rodrigo, um publicitário, que por sua vez não dá valor a esposa. Maitê trabalha em uma loja com sua melhor amiga.  

O casamento deles está indo de mal a pior e Maitê, por ser muito apaixonada por seu marido, ia empurrando o casamento da forma que conseguia e “se humilhava” para ter um pouco de atenção.

Desconfiada do marido e cansada de sempre ter que “implorar” carinho e atenção, ela se dedicava ao filho e ao trabalho, para ocupar a mente. 

No meio desse tornado que se tornou a vida dela, surge um policial que vai virar a vida de Maitê de ponta cabeça. 

A princípio Maitê ficará dividida entre razão/emoção e até o que julga certo, ou errado. E mesmo nessa batalha interna, ela acaba aproveitando as oportunidades que surgem.

Depois de tantos acontecimentos, Maitê se descobriu uma nova mulher e voltou a despertar o interesse do marido novamente. 

O que será que Maitê pretende fazer da vida...?  Leia e descubra!


[Minha Opinião]


Sobre a estória, é um enredo que posso considerar bom e com uma temática um tanto diferente de tudo que já li até hoje (no meu caso, é claro). Porém, acredito que a autora poderia ter desenvolvido melhor a estória e os personagens, poderia ter aproveitado mais do enredo proposto por ela mesma e se aprofundado nas personalidades. 

Em alguns momentos da leitura me senti cansada, como se estivesse lendo repetidamente as mesmas coisas, todavia, apesar de ter cansado em algumas partes da estória, que girou sempre ao entorno da indecisão da nossa protagonista, a Maitê, ainda assim, é uma estória que indico, um romance leve.

Quanto a edição, no geral, está boa. Erros, encontrei pouquíssimos, mas nada que venha a atrapalhar de fato a leitura. Quanto a capa, nem bonita, nem feita, achei um pouco interessante. 

A escrita da autora é leve, fluída e de fácil compreensão, mas no meu caso, como disse, as vezes, devido ao excesso de indecisão da protagonista ter tornado a leitura um pouco cansativa e fazendo a escrita da autora girar em "círculos".


Bom, é isso! Ainda com todos os pontos negativos que ressaltei, mesmo assim, o enredo do livro é legal e por isso o indico como um passatempo, uma leitura sem muitas pretensões, leve e apenas para relaxar um pouco.


Avaliação: 




[Post Maratona Setembro Nacional]

14 comentários :

  1. Se eu ler esse livro, acho que não iria curtir muito hehehehe, protagonistas indecisas me deixam nervosa hsauhsuashuahsuas

    ResponderExcluir
  2. Já li alguns livros onde a repetição me levou a pular páginas para chegar logo no final da história.
    A sinopse me deixou curiosa para saber o que acontece com esse triângulo amoroso, mas lendo as suas impressões, perdi um pouco o interesse.
    Bjs,
    http://contosdacabana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi, Tudo bem?
    Passarei longe desse livro, primeiro porque não é um gênero que me agrada e segundo, depois de todas os pontos negativos, fiquei mais desmotivado. Achei que foi muito generosidade sua dar 3 estrelas com tantos aspectos negativos. Eu não daria mais que dois. Mais é isso aí, que as pessoas que gostem do gênero se identifique com ele. Obrigado pela dica.
    Abraço!

    meuniversolb.wixsite.com/meuniverso

    ResponderExcluir
  4. Oiii, tudo bem?
    Não conhecia o livro ainda, mas apesar de ter curtido a resenha, acho que não leria o livro. Não gosto muito de romances com personagens adultos. Estranho, eu sei ahhahah. Essa indecisão com mulheres mais velhas me deixa mais indignada. Até entendo com adolescentes, mas com adultos, meio que me irrita hahahah
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Acredito que não iria curtir muito esse livro, ainda mais por em algum momento a leitura se tornar cansativa e nos dar a impressão que já lemos aquilo. Não curti a capa também, nunca compraria se fosse só por isso. Vou deixar essa dica de lado então.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?

    Devo dizer que a trama até é uma pouco diferente da maioria, pela moça já ser casada. A maioria das trama traz uma mulher independente, bonita, blablabla bem solteirinha com exes horríveis. Fiquei curiosa para saber como ela vai dar fim ao casamento (se é que dá) para ficar com o policial. Ainda assim, acho que não é a leitura que estou procurando no momento. E essa capa parece a daqueles filmes sessão da tarde com a Amanda Bynes, sabe? Hahahaha.

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá, Laneeh! Parabéns pela resenha! Não é o tipo de leitura que me agrada, mas acredito que há sempre leitores para todos os tipos de livros, então desejo sucesso para a autora!

    Bjs,
    Yohana Sanfer
    http://www.papelpalavracoracao.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu nunca vi esse livro e confesso que de cara já descartei a ideia de ler, porque percebi que não é o tipo de história que eu costumo gostar. Bom, a premissa em si não é chata, mas não chamou a minha atenção e alguns pontos que você destacou me desanimaram. Enfim, não pretendo ler o livro, mas gostei de conhecer.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  9. Oi!!
    A trama em sim não chamou a minha atenção, acredito que não iria me envolver com a história.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  10. O enredo me pareceu bom, mas o fato de você citar que a autora nao desenvolveu bem os personagens, me deixou confusa, a capa de fato nao é feio, nem bonito, se fosse pela capa, nao me interessaria muito.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. bem, eu já vi bastante desse tipo de enredo em outras obras, ando evitando leituras 'mais do mesmo'... essa modelo da capa me lembrou uma atriz, que agora não recordo o nome hahaha
    dessa vez, deixo a dica passar... não curto o gênero...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  12. Um caso tão real. Existe tantos casamentos falidos, mas que um dos cônjuges vai empurrando com a barriga. Mas acho que a pessoa tem qu tomar uma decisão, não dá para ser infeliz. É difícil, mas é necessário. Só espero que a mocinha da história seja sincera com ela mesma e com o marido, e não o traia, simplesmente termine o relacionamento e se jogue em outro. Melhor opção, é se libertar.

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem ? gostei de você ter apontado o fato da história ser repetitiva pois é uma coisa que me incomoda muito em livros, a história não me chamou atenção e eu achei a capa meio que real demais, entende?

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem? De fato todas as histórias não são 100% perfeitas. Que bom que levantou fatos negativos, porém me interessei pela sinopse. E adorei saber que é leve e fluida.
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^